Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

quarta-feira, 1 de junho de 2016

OMS reconhece esforços antitabaco de Timor-Leste com prémio regional



Díli, 01 jun (Lusa) - O primeiro-ministro timorense foi galardoado com a edição deste ano do Prémio do Dia Mundial Sem Tabaco para o Sudeste Asiático, atribuído pela Organização Mundial de Saúde (OMS), em reconhecimento dos esforços para combater o tabagismo em Timor-Leste.

Rui Maria de Araújo foi reconhecido por "ter iniciado um conjunto de medidas para libertar a nação da sua epidemia de tabaco", refere um comunicado da OMS, reconhecendo as campanhas que o executivo timorense levou a cabo nos últimos meses nesta matéria.

"Este prémio reconhece os destacados contributos do primeiro-ministro, as medidas concretas que iniciou para controlar o consumo do tabaco e para melhorar a saúde de Timor-Leste", disse Rajesh Pandav, responsável da OMS em Timor-Leste.

A campanha recente do Governo pretende combater um consumo de tabaco que é o mais elevado na região e um dos mais elevados do mundo, com 70% dos homens e 42% dos jovens entre os 13 e os 15 a serem fumadores.

Numa mensagem pela televisão à nação, na terça-feira, Dia Mundial Sem Tabaco, Rui Araújo recordou que reduzir o hábito de consumo de tabaco é "importante para o futuro da nação, por causa do impacto sobre a saúde do povo timorense".

Entre as várias medidas levadas a cabo pelo Governo contam-se campanhas na televisão e na rádio sobre os perigos do consumo de tabaco e formação adicional a pessoal médico para ajudarem fumadores a deixar o hábito.

Foi ainda aprovada legislação para restringir a publicidade ao tabaco, o consumo em espaços públicos fechados e a venda de produtos à base de tabaco a menores de idade.

ASP // VM

Sem comentários: