Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

segunda-feira, 27 de junho de 2016

PORTUGAL DEVE PREPARAR-SE PARA SE “LIBERTAR DO EURO”, MAS SEM REFERENDO



O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, disse hoje que Portugal deve estar preparado para se libertar do euro, mas mostrou-se reticente quanto à realização de um referendo, remetendo as decisões em matérias europeias para "as instituições nacionais".

Jerónimo de Sousa, que falava após uma reunião do comité central do PCP para analisar a situação política e económica nacional e internacional, destacou "a urgência e a necessidade de Portugal se preparar e estar preparado para se libertar da submissão ao euro", salientando que este deve ser "um processo" e não "um ato súbito".

Quanto a um eventual referendo, lembrou que tal como a adesão à CEE não foi objeto de consulta popular, o mesmo se deve aplicar noutros casos, já que as instituições nacionais "têm legitimidade" para reconsiderar as decisões no que diz respeito à Europa.

O líder comunista elogiou a decisão britânica de abandonar a União Europeia, que classificou como "uma vitória sobre o medo" e uma forma de mostrar "rejeição" pelas políticas europeias, recusando que seja analisada usando apenas os argumentos de xenofobia.

Lusa, em Notícias ao Minuto

Sem comentários: