Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

segunda-feira, 11 de julho de 2016

Moçambique. MEDIADORES INTERNACIONAIS ESPERADOS HOJE EM MAPUTO



Diálogo político

Os mediadores internacionais convidados para a mediação do diálogo político, que deverá culminar com o frente-a-frente entre o Presidente da República, Filipe Nyusi, e o líder da Renamo, Afonso Dhlakama, são esperados esta segunda-feira em Maputo, para iniciarem os trabalhos da mediação para a paz e tranquilidade no país. A chegada da missão foi anunciada, semana finda, por Afonso Dhlakama, em entrevista exclusiva à STV, desconhecendo-se neste momento mais detalhes.

Este domingo,  a nossa reportagem tentou obter informações junto de alguns membros da comissão mista do diálogo político, mas não conseguiu apurar qualquer dado.

Informações divulgadas, semana finda, pela Rádio alemã Deutchewelle (DW), referem que a União Europeia (UE) e a Igreja Católica, juntamente com o presidente sul-africano, Jacob Zuma - os escolhidos da Renamo para a mediação - já tinham recebido as cartas convidando-os para mediar as conversações.

De acordo com a DW, que cita a agência de notícias Lusa, a delegação da UE em Maputo recebeu uma carta do Chefe de Estado,  Filipe Nyusi, endereçada ao presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, com o convite formal para integrar a equipa de mediadores nas negociações de paz.

Até ao momento, desconhece-se a resposta da UE, mas acredita-se que não houve objecção ao convite, devendo ser conhecido, a qualquer momento, o seu representante.

O País

Sem comentários: