segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Portugal. Galp – Governo. "Reembolsar significa que não queremos que nenhuma dúvida subsista"



Augusto Santos Silva lidera o Executivo nesta altura em que António Costa está de férias.

O ministro Augusto Santos Silva marcou presença esta sexta-feira à noite no telejornal da SIC, onde falou sobre a polémica em torno das viagens de três secretários de Estado ao Euro’2016, pagas pela Galp.

“O Governo considera que este caso deve ser visto nas suas proporções. Tratou-se de uma iniciativa pública de apoio à Seleção Nacional de futebol, participaram dezenas e dezenas de personalidades públicas, as despesas foram custeadas por um dos patrocinadores da Seleção mas não queremos que subsista nenhuma espécie de dúvida”.

Numa altura em que, com António Costa de férias, é ele o primeiro-ministro em funções, Augusto Santos Silva salientou que “os secretários de Estado entenderam reembolsar as despesas” das viagens em causa.

“O gesto de reembolsar significa que não queremos que nenhuma dúvida subsista”, defendeu.

“Como há dúvidas que subsistem sobre como se deve interpretar uma disposição da lei”, existindo na lei a figura do “gesto de cortesia”, “tencionamos ainda este verão aprovar um código de conduta” que seja, futuramente, taxativo.

Questionado sobre se foi ele próprio ou António Costa, com tem estado em “contacto permanente”, a sugerir aos governantes em causa que devolvessem o valor das viagens, Santos Silva negou, dizendo que foi um “juízo adequado” dos secretários de Estado.

Já sobre a relação futura entre os governantes em causa e eventuais negócios da petrolífera, Santos Silva afirma que, “no que diz respeito ao secretário de Estado que trabalha comigo, eu espero que a Galp apresente muitos projetos de investimento” e que, nos casos em que implicar a sua tutela, “eu avocarei pessoalmente.

Pedro Filipe Pina – Notícias ao Minuto

Sem comentários: