sábado, 4 de fevereiro de 2017

SÓCRATES ACUSA INVESTIGAÇÃO DE “MOTIVAÇÕES POLÍTICAS”

PARTILHAR


José Sócrates acusou esta sexta-feira a investigação do processo em que é arguido de ter "motivações políticas".

"Isto é uma perseguição política, uma perseguição pessoal", salientou o antigo primeiro-ministro. E anunciou uma ação contra o Estado, por considerar terem "sido ultrapassados todos os prazos" do inquérito. 

A ação corre termos no Tribunal Administrativo, mas adiantou também ir recorrer a instâncias internacionais.

José Sócrates lembrou que o prazo legal máximo para o inquérito é de 18 meses e o processo já dura há 42 meses considerando estarem em causa os direitos, liberdades e garantias.

Carlos Varela – Jornal de Notícias – Foto: Nuno Pinto Fernandes/Global Imagens/Arquivo

PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: