domingo, 29 de dezembro de 2013

Aquisição de porta-aviões por Angola é uma mais-valia para a região” – afirma analista

 


O negócio foi formalizado depois de altas patentes das forças armadas de Angola terem visitado Espanha no Verão passado.
 
Coque Mukuta – Voz da América
 
LUANDA — Aquisição de porta-aviões por Angola é uma mais-valia para a região” – afirma analista

O Executivo angolano terá comprado à Espanha o porta-aviões Príncipe das Astúrias, de acordo com o site espanhol El Confidencial Digital. Segundo a mesma fonte, Angola vai ainda adquirir navios patrulha, que também deixaram de fazer parte da Armada espanhola.

De acordo com o site espanhol o negócio foi formalizado depois de altas patentes das forças armadas de Angola terem visitado Espanha no verão passado.

Na ocasião, os militares angolanos certificaram-se dos trabalhos a que o denominado Príncipe ds Astúrias será submetido, tendo em conta a sua idade e o natural afastamento da marinha espanhola.

A mesma fonte indica que Angola terá sido o único país a interessar-se pelo porta-aviões, depois de negociações falhadas com vários países.

Entretanto, segundo o analista (mais dados sobre ele porque a audiência não o conhece, por exemplo analista militar ou antigo militar, professor, etc) Albano Pedro a aquisição do porta-aviões para Angola é uma mais-valia para a região, mas desconfia da capacidade económica e humana do país para a sua manutenção.

Albano Pedro citou ainda a internacionalização das forças armadas angolanas como uma das razões para a aquição do porta-aviões.

Sem comentários: