quinta-feira, 21 de julho de 2016

VAMOS A LA PLAYA… DE BORLA E SEM MEDOS (áudio)

PARTILHAR


Estamos quase no fim-de-semana para ganhar coragem. Isso quererá dizer que há por aí muito cobarde? O melhor é perguntar ao Sérgio Godinho. Ele é que escreveu a letra da canção que fez carreira. Bom dia. Antecipadamente desejamos-lhe um bom fim-de-semana. 

Devemos presumir que há imensos portugueses que já não têm dinheiro para pagar os transportes para a praia – falta 10 dias para o final do mês e receber a miséria de ordenado… se os patrões pagarem a tempo e horas, a maioria não o faz. Caloteiros. E dizem eles, esses que são patrões de bússola orientada para o incumprimento e calote: “sabem lá as minhas dificuldades para pagar os ordenados, as dificuldades são enormes”. Vai ver-se e as referidas “dificuldades” chamam-se ele ter duas casas ou três (cidade, praia, campo); lá em casa todos têm automóvel, casas com piscinas, empregado(s)) doméstico(s) (que também recebem fora de tempo e horas) para poupar a madame esposa e as amantes. E os carros topo de gama é um fartote. Coitados. Pois. – Grandes vidas, oh salafrários! Os que são.

Avançando na abordagem indelével ao Expresso Curto repleto de cafeína made in Henrique Monteiro. A espertina é a alma do negócio. O futuro presidente dos EUA é esperto mas não é Chico, é Donald, nem é Trampa, é Tramp. O que significa que é merda sem o A final, a modos que estilo francês. Henrique abre com os made in USA. Tinha de ser. Depois vai às bordas da pseudo União Europeia e por aí adiante… Portugal e Turquia também. Tinha de ser. Mas há mais. Vá de ler até ao fim.

Acabou, por nós. Raspemo-nos que se faz tarde. Também não temos dinheiro para os transportes mas vamos para a praia, no desenfianço, à borla. Multas? Pois. Depois pagamos, no dia de são nunca à tarde. Também, a morte está quase a chegar e aí não há cobradores, nem fisco, nem jagunços do sistema podre que nos rege.

Bom dia. Apanhe sol, use protetor caseiro. Cuidado com os empresários desonestos e os políticos da mesma estirpe. Sobre isso sabemos que Cavaco nos ensinou muito bem, e Passos, e Relvas, e Portas, e o imenso exército de ministros e deputados que têm desfilado nas passereles dos poderes. Isso para não falarmos dos advogados, dos economistas, dos gestores (não são todos, mas são demasiados). Enfim, toda essa cáfila de salafrários que ao descuido os portugueses voltam a eleger porque têm ataques de Shenandoa e a memória sobre os reles malandros vai-se-lhes. Depois dizem com um sorriso idiota que "nascemos para sofrer”. O tanas!

Não. Nascemos para lutar. Começamos logo na luta para sairmos do ventre das mães. Depois de sairmos é que começamos a acobardar-nos porque esta é uma sociedade de medos que o sistema vigente vai estruturando como lhe convém e lhe permita dominar e explorar os que produzem as suas fortunas. Eles, nos poderes, têm medo que não tenhamos medo.

Apesar de todas as técnicas utilizadas para exercer o domínio dos milhares de milhões por todo o mundo há aqueles que fazem e dizem: “A luta continua!” Pense. Lute, por si, pela sua família, pela sociedade justa que almejamos. E falar disso ou escrever dava pano para mangas… Pois.


Mário Motta / PG

Bom dia, este é o seu Expresso Curto

Henrique Monteiro – Expresso

Hoje é o dia do discurso à convenção Republicana, reunida em Cleveland, aproveitando para se dirigir a todos os Estados Unidos e para fazer avisos a todo o mundo. Depois da mulher (plágio de Michelle Obama já assumido por uma assessora) e de alguns filhos, chega a vez do Pato (bravo) Donald. No Real Clear Politics podemos ver várias sondagens em que o misto de Marine Le Pen com Berlusconni (como lhe chamou o ex- assessor de Bush pai e Bush filho, Bill Kristol, que considera a sua nomeação pelos Republicanosuma tragédia) não vai assim tão distante da ex-primeira dama e ex-secretária de Estado, Hillary Clinton.

Esta noite foi a vez do senador do Texas e ex-rival de Trump, Ted Cruz, estragar a festa, ao apelar ao voto em consciência, depois de se analisar o boletim de alto a baixo, nunca referindo o nomeado. Acabou vaiado pela Convenção, mas teve o condão de retirar o palco a Mike Pence, escolhido para candidato a vice-presidente por Trump.

Apesar de tudo, um ex-diretor da CIA e da NSA, Michael Haydendiz ao Expresso Diário de ontem que os europeus não devem “entrar em pânico”. Revelando ter saudades de George W. Bush, considera Trump um “bom instrumento de propaganda para o Daesh”. Já esta noite o controverso candidato disse, numa entrevista que não pressionaria a Turquia ou outros aliados com regimes autoritários a não fazer purgas, porque primeiro os EUA têm de limpar a sua própria porcaria.

Razão, razão, tem Martin Wolf no Financial Times: as elites globais têm de saber responder à raiva populista que se está a tornar numa praga, mas que tem razões de sobra para existir.

OUTRAS NOTÍCIAS

Os comissários europeus adiaram para a semana a decisão sobre sanções a Portugal e Espanha. Quanto a um eventualcongelamento dos fundos, ficou tudo para depois do Verão, porque o Parlamento Europeu, entretanto a banhos, quer pronunciar-se. Será um caso para dizer que o calor não é bom conselheiro?

Angela Merkel e Theresa May encontraram-se e puseram-se de acordo. O Brexit deve ser levado a cabo ordenadamente, com calma e lentidão. Cada uma afirmou ter ficado com boa impressão da outra.

Curioso é o facto de os 19 nomes que devem compor o próximo e já muito atrasado Conselho de Administração da CGD não terem ainda chegado ao BCE, como é indispensável.

A Europol não encontra uma relação clara entre o assassino de Nice e o Daesh. É mais do que provável que o Daesh ande a reivindicar todos os atentados levados a cabo no mundo, pelos motivos mais diversos e estranhos. No entanto, a Europol recorda que a Península Ibérica faz parte do mapa do califado do autodenominado, mas cada vez mais enfraquecido, ‘Estado islâmico’, embora as duas mais recentes prisões de alegados terroristas em Portugal nada tivessem a ver com o islamismo – um era separatista naÍndia e outro em Espanha. Relatório completo da polícia europeia, com as ameaças constantes a países euopeus, aqui.

Na Turquia, após estabelecido o estado de emergência por três meses, prosseguem as dezenas de milhares de saneamentos, depois do golpe de Estado contra Erdogan que teve como principal beneficiário Erdogan. Um homem que compra portas de seis milhões de dólares, casado com uma mulher que pode fechar um centro comercial em Bruxelas para fazer compras descansada.

Diz o 'Observador' que, na sua reunião com os parlamentares do PS,António Costa utilizou um tom realista, quase pessimista.De tal forma que houve quem pensasse numa preparação para eleições antecipadas, quando Bruxelas exige mais e os parceiros BE e PCP causam mais dificuldades.

Inexplicavelmente, por ora, Correia de Campos foi chumbado no Parlamento para presidente do Conselho Económico e Social(Carlos César, líder parlamentar do PS, apesar do voto ser secreto,já sabe o que se passou e diz que a culpa é do PSD; Luís Montenegro pede contenção ao PS). No entanto, todos os outros nomes resultantes do acordo do PS com o PSD – para o Tribunal Constitucional, Conselho Superior de Magistratura eConselho de Fiscalização do Segredo de Estado – foram aprovados. Recorde-se que são necessários dois terços dos votos, mas que o PS e o PSD têm mais do que esse número.

Já as ‘barrigas de aluguer’ ou melhor dizendo a gestação de substituição foi aprovada, malgrado os avisos contidos no veto anterior de Marcelo. Deputados do PSD voltou a ser indispensável para esta aprovação, embora desta vez o sei líder, Passos Coelho, que votara a favor, se tenha abstido. O PCP e o CDS votaram de novo contra, assim como a maioria do PSD.

A Autoridade da Concorrência (AdC) quer menos regulação para os táxis, de modo a que possam concorrer com a Uber.

A Fundação Gulbenkian, tantos anos o autêntico ministério da Cultura português e ainda o melhor local para ouvir boa música e ver boa arte, completou 60 anos. Segundo escreve o ‘Observador’, está a minguar. Mas isso não impediu que no fim da tarde de ontem houvesse um belíssimo programa no anfiteatro ao ar livre, nos jardins da fundação, com a entrega do prémio Gulbenkian à Fundação Amazonas Sustentável e um concerto para Piano e Orquestra deMário Laginha e a 5ª Sinfonia de Beethoven, interpretadas pelo próprio Laginha com a magnífica orquestra da casa sob direção do maestro Pedro Neves. Aquiaqui e aqui podemos encontrar vários aspetos curiosos da vida daquela instituição que o arménio refugiado em Portugal legou e deu o nome, que o advogado Azeredo Perdigãodeu vida e que vários deram continuidade, sendo neste momento presidente Artur Santos Silva.

Se a pré-época corre desastrosamente ao Sporting, ontem à noite foi a vez do Benfica perder com um clube da II Divisão inglesa, o Sheffield Wednesday, treinado pelo português Carlos Carvalhal.Foi por 1-0, em terras de Sua Majestade.

A propósito de desporto, concretamente dos Jogos Olímpicos, marcados para o Rio a partir de 5 de Agosto,a jornalista Christiana Martins indaga, neste 2:59, se Deus deixou de ser brasileiro? Os problemas sucedem-se - políticos, sociais, económicos, ambientais, de saúde, de segurança e o que mais vier. Veja aqui

FRASES

“Tendo em consideração o papel proeminente desempenhado, à época, pela Comissão Europeia na resposta às consequências da crise económica e financeira à escala europeia, pedimos à Provedora de Justiça Europeia que investigue se a nomeação do Sr. Barroso (…) pode constituir uma violação” da Carta de Direitos Fundamentais da UE. Da petição de 50 eurodeputados, entre os quais os portugueses Ana Gomes, Marisa Matias, Maria João Rodrigues e Marinho e Pinto.

“Mas promulgo, obviamente”, Marcelo Rebelo de Sousa, à chegada à cerimónia dos 60 anos da Gulbenkian, referindo-se a lei da gestação de substituição, que havia sido objeto do seu veto, mas foi confirmada no Parlamento

"Escolas sem dinheiro para luz e água", manchete de hoje do 'Jornal de Notícias', que explica que parte do OE só agora chegou a escolas e que cortes atingem 20% nalguns casos

“Pela sua segurança, não se desligue da realidade” campanha da GNR, que não quis ficar atrás da PSP, alertando os riscos que correm os jogadores de Pokemon Go (não sabe o que é Pokemon Go? Está desligado da realidade!)

“Uma pessoa de quem sempre ela gostou foi de Michelle Obama” , Meredith McIver, assessora de Trump que assumiu parte da responsabilidade pelo plágio do discurso de Melania Trump

O QUE EU ANDO A LER

Eu ando a ler um livro subversivo, by all means. E esta expressão inglesa que significa ‘por todos os meios’ ou ‘em todos os significados’ é a melhor forma de compreender “A alma do homem sob a égide do socialismo” por Oscar Wilde. O pequeno ensaio faz parte de uns livros amarelos da ‘Guerra e Paz’, sobre os quais pode ler mais na revista E (do Expresso) deste sábado, num texto de José Mário Silva sobre o regresso das coleções. No essencial, Wilde, o homem que afirmou “os meus gostos são simples, basta-me o melhor”, defendia uma coisa para nós estranha: um socialismo individualista. Influenciado pelo pensamento libertário e erigindo Jesus Cristo como o símbolo máximo do individualismo, constrói uma tese, publicada em 1891, na Fortnightly Review, onde consubstancia teses que derivam da sua leitura atenta das obras do príncipe anarquista Peter Kropotkin (1842-1921).

O interessante na tese é como todos nós, e sobretudo os intelectuais e académicos, deixaram encerrar uma ideia – o socialismo – numa pequena caixa onde apenas cabem uns tantos pensadores. Socialismo individualista? “O socialismo conduzirá ao individualismo”, como escreve Wilde? Why not? Afinal, como ele diz, o pior esclavagista é o que trata bem os escravos, porque retarda a compreensão da maldade da escravatura. Serão os patrões que se aliam ou respeitam as reivindicações dos sindicatos os sucessores destes piores esclavagistas? Enfim, há ali muito para pensar, para além do muito que está já ultrapassado.

E por hoje é tudo. Às 18 vem o Expresso Diário e amanhã pela manhã novo Expresso Curto, desta redação que não para, noite e dia, com as atualização do sítio www.expresso.pt. Tudo isto num dia de Verão, como pode ver aqui.

Tenha um bom dia!

PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: