quinta-feira, 10 de maio de 2018

UM ANIVERSÁRIO QUE DEVERIA SER COMEMORADO POR TODA A HUMANIDADE!

PARTILHAR

FOI UMA PÁTRIA SOCIALISTA DE TRABALHADORES, UNINDO TODO O POVO SOVIÉTICO, QUE SOB A ÉGIDE POLÍTICA DE STALINE E MILITAR DE JUKOV, DERROTOU A BESTA NAZI!

Martinho Júnior | Luanda  

A memória da Vitória celebrada no dia 9 de Maio de cada ano (este é o 73º aniversário), é um património de toda a humanidade, por que sem ela muitos milhões de seres não existiriam por que a besta nazi teria eliminado, além daquelas baixas que provocou, muitos mais milhões de nossos progenitores!

O sacrifício desse povo trabalhador soviético em prol da Vitória sobre o nazismo em Berlim, foi portanto uma dádiva inestimável para grande parte da humanidade, uma pedra angular em direcção à civilização com a derrota da barbárie!

Teria sido assim em África, em relação à qual chamo a atenção para o caminho percussor que foi seguido no colonizado Sudoeste Africano, com o Iº genocídio do século XX em tempo da Prússia (anos de 1904 a 1907), eliminando mais de 2/3 das comunidades de hereros e namaquas, algo que tendo sido impune como outras barbaridades entre a Iª e a IIª Guerras Mundiais, também inspirou o nazismo para a agressão massiva e o holocausto, apenas 33 anos mais tarde (entre 1940 e 1945).

Se a besta nazi tivesse ganho, a vida para os africanos teria sido insuportável, regressando aos piores tempos da escravatura conforme ao tráfico negreiro e jamais teria sido possível levar a cabo a libertação contra o colonialismo e o "apartheid" nos termos em que foram concebidas as páginas de história contemporânea mais brilhantes de África!

Viva o Dia da Vitória, património memorável de toda a humanidade!

Martinho Júnior - Luanda, 9 de Maio de 2018


Fotos:
- A bandeira heroica içada sobre Berlim, no Reichtag;
- Os estandartes nazis tomados pelas forças soviéticas em todas as frentes de batalha, desfilam na Praça Vermelha em Moscovo, no 1º aniversário do Dia da Vitória.
- O general von Trotta, comandante do IIº Reich no Sudoeste Africano e seu estado maior, comandou o genocídio dos hereros e namaquas, percussor dos métodos nazis que se tornaram evidentes depois da afirmação do IIIº Reich alemão 33 anos depois.

A BATALHA DE BERLIM PÔS FIM À IIª GUERRA MUNDIAL!...

POR MUITO QUE A PROPAGANDA "OCIDENTAL" FUSTIGUE, CONTRA FACTOS OS ARGUMENTOS NÃO PASSAM DE PROVA DE CINISMO E MESQUINHEZ, DANDO CONTINUIDADE AO QUE É DA BARBARIDADE E CONTRA O QUE DEVERIA SER DA CIVILIZAÇÃO!

PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: