sexta-feira, 2 de Março de 2012

TAUR MATAN RUAK, NO MELHOR PANO CAI A NÓDOA…



Ana Loro Metan

A campanha eleitoral das presidenciais em Timor-Leste iniciou-se oficialmente há poucos dias e já o presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE) vem apontar irregularidades cometidas por parte de alguns candidatos e/ou seus apoiantes. Coisa de pouca monta e apesar de tudo prevalece a paz. Essa, a paz, esperamos que não seja maculada por ações contrárias. Alguns – poucos - desejarão a violência mas são muitos que desejam que prevaleça a paz. Que respeitem a vontade da maioria.

Faustino Cardoso, da CNE, refere no título Dois candidatos presidenciais não cumprem as regras estabelecidas pela CNE que “no primeiro dia de campanha eleitoral, Taur Matan Ruak e Lucas da Costa não seguiram as regras estabelecidas.” E explicou que “Taur Matan Ruak não deve utilizar a bandeira da FRETILIN durante a campanha porque este partido já tem o seu candidato, Francisco Guterres Lu Olo”.

Ainda ao candidato Taur é apontado que “de acordo com a CNE, alguns dos seus apoiantes andam a utilizar símbolos religiosos nas suas viaturas.”

Bem podia eu ficar aqui no meu recato e nem me esforçar para voltar a afirmar o que fiz na prosa anterior  em DEUS NOS SALVE DE TAUR MATAN RUAK SER ELEITO PRESIDENTE DA REPÚBLICA sobre o candidato e que foi: “Vai daqui o meu vibrante lamento por constatar que Taur é um grande cara de pau”, a agora daqui vai o meu segundo vibrante lamento por constatar que Taur aprende depressa as técnicas da súcia de vigaristas e oportunistas do CNRT-Xanana Gusmão, recheando-se de manhas que têm por objetivo enganar os timorenses – aqueles, os tais, que ele diz que vai pugnar por lhes obter a concessão de direitos constitucionais que lhes devem. Assim? É assim a ser desonesto que Taur quer demonstrar que cumpre as promessas?

Muito mais se poderia dizer mas basta estes comportamentos sujos, de baixa política e sem ética para aguardar que Taur venha a constituir mais uma grande desilusão, quase copiada a papel químico do original Xanana Gusmão. Esperemos que, se Taur vencer as eleições, não venhamos a registar desagradáveis pinchagens nas paredes das casas e muros de Timor-Leste com a palavra Traidor colada ao nome. Porque tudo na candidatura de Taur começou mal, porque afinal Taur não é quem se pensava – pelo que demonstra – somos obrigados a estar prevenidos e pessimistas. Postura que já começa a envolver-nos em tristeza e muito desconforto.

Os sinais estão perante os olhos de todos nós.  Resta terminar sem pôr mais na escrita, a não ser o meu terceiro vibrante lamento por constatar que Taur é um grande cara de pau e que parece tudo se estar a agravar e encaminhar de modo a recordarmos que “no melhor pano cai a nódoa”.

Leia mais sobre Timor-Leste - use os símbolos da barra lateral para se ligar aos países lusófonos pretendidos.

ELEITORES TIMORENSES: PARTICIPEM NA SONDAGEM “VOTO PARA PR DE TIMOR-LESTE”, na barra lateral

3 comentários:

Anónimo disse...

Pior foi os militantes da FRETILIN a provocarem e atirarem pedras quando a caravana de Taur passou em frente do ccf.O video ja esta no youtube.

Anónimo disse...

Os apoiantes da FRETILIN portaram-se como animais.

Anónimo disse...

Vá dar uma curva ao bilhar grande!