Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Centro de Bissau está deserto e circulação automóvel foi reaberta, após distúrbios



A Praça dos Heróis Nacionais, no centro de Bissau, está deserta e a circulação automóvel foi reaberta, depois dos distúrbios ocorridos ao princípio da noite de quinta-feira, quando o Presidente da República nomeou um novo primeiro-ministro.

Pouco depois das 22:00 (23:00 em Lisboa), as forças de segurança ordenaram a desmobilização de alguns manifestantes que se concentravam à porta da sede do PAIGC, ao lado do palácio presidencial, bem como do resto da população que tentava matar a curiosidade.

O acesso pedonal e automóvel foi interdito e toda a zona adjacente à Presidência ficou praticamente deserta.

Cerca de duas horas depois, parte dos elementos de segurança abandonaram o local e a circulação foi restabelecida, já com a praça vazia.

O ponto alto dos distúrbios aconteceu quando a nomeação do novo primeiro-ministro, Baciro Djá, foi anunciada, pouco depois das 19:00 (20:00 em Lisboa).

Algumas dezenas de manifestantes atiraram pedras contra o palácio presidencial e atearam fogo a alguns pneus nas imediações, relataram observadores que presenciaram os distúrbios.

As forças de segurança e militares responderam com gás lacrimogéneo e começaram a ocupar aquela zona central de Bissau, onde a sede do PAIGC abrigou vozes de protesto contra o presidente, José Mário Vaz, durante várias horas.

Fonte da presidência anunciou que a cerimónia de posse de Baciro Djá está marcada para o meio-dia (13:00 em Lisboa) de hoje.

LFO // FV - Lusa

Sem comentários: