segunda-feira, 7 de maio de 2018

O Porto campeão quer agora igualar record do Benfica nos 88 pontos da classificação

PARTILHAR

O FC Porto venceu ontem o Feirense por 2 – 1 mas já era o campeão 2017/18 desde sábado ao fim do dia. A cidade do Porto está em festa há mais de um dia e ainda o campeonato, a Taça da Liga, não acabou. Agora o Porto quer atingir a pontuação máxima e igualar o Benfica no seu record, chegar aos 88 pontos. É isso mesmo que Sérgio Conceição diz mais em baixo.

Entretanto, enquanto se espera pela última jornada, o FC Porto e a cidade do Porto continuará em festa, à espera da festa maior, quando forem recebidos pela Câmara Municipal do Porto e ali nos Aliados exibirem a taça aos milhares de portistas que estarão presentes. Vai ser um mar de gente, um mar azul, um mar de confraternização e alegria depois de tantos anos de jejum. De salientar que a festa é justa, como justo foi o FC Porto vencer este campeonato 2017/18 tendo por “mister” um filho da casa, Sérgio Conceição. Esta época o Benfica e o Sporting chucham no dedo. O vencedor foi encontrado e fez por isso durante todo o calendário da prova do futebol dos milhões. Entre esses dois derrotados ainda falta saber qual se posicionará no 2º e no 3º lugar. Para saber é só esperar quase mais uma semana. Até lá. E que vença o melhor.

Entretanto, via TSF, deixamos a seguir uma réstia do que a TSF relata acerca da vitória do FC Porto, ontem, no Estádio do Dragão. Leia isso mesmo e o mais que vier. (PG)

Dragão esgotou, Alameda também. Milhares na festa do título

Campeões venceram Feirense (2-1) em clima de euforia. Estádio e Alameda do Dragão foram pequenos para tanta gente.

TSF | Foto: © Miguel Pereira/Global Imagens
  

"Queremos atingir os 88 pontos, isto ainda não acabou"

Sérgio Conceição agradeceu a conquista do título a toda a estrutura portista

Apesar de o título estar conquistado, para Sérgio Conceição, o importante era "dar o máximo" e "brindar os adeptos" que tanto apoiaram a equipa, ao longo da época.

Em declarações à Sport Tv, o treinador campeão nacional lembrou que pela frente estava uma equipa difícil.

"Tínhamos pela frente uma equipa que fora só tinha mais quatro, cinco golos sofridos do que o Sporting ou Sporting de Braga. Equipa difícil e tínhamos mais uma vez de ir  à procura das despesas do jogo", explicou Sérgio Conceição.

A equipa deu uma boa resposta em campo, dominando por completo a partida frente ao Feirense.

O técnico de 43 anos, o "obreiro" do 28.º título azul e branco, agradeceu esta conquista a toda a estrutura.

"Só faço parte do que é o FC Porto. Há muita gente atrás de mim e ainda os jogadores. Sou a cara, o líder. Quero destacar os três grandes rivais que tivemos pela frente que deram mais luz e ênfase a esta vitoria", defendeu Conceição.

O FC Porto venceu o Feirense por 2-1, na festa de consagração do título de campeão nacional.

Na última jornada, os dragões deslocam-se a Guimarães. O objetivo é terminarem o campeonato com 88 pontos.

Guilherme de Sousa | TSF | Foto: Ivan Del Val/Global Imagens
PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: