quinta-feira, 8 de março de 2012

Moçambique: Polícia morreu após tiroteio com veteranos da Renamo em Nampula

PARTILHAR


CFF - Lusa

Maputo, 08 mar (Lusa) - Um polícia moçambicano morreu hoje na sequência de um tiroteio entre a polícia e antigos combatentes da Renamo que desde dezembro estavam albergados na sede do partido em Nampula, indicou a polícia.

Os veteranos da Renamo, antigo movimento rebelde, atualmente o maior partido da oposição moçambicana, dispararam sobre uma patrulha da polícia, disse o porta-voz da polícia de Nampula, João Inácio Dina, citado pela agência France Presse

"Era uma patrulha de rotina, mas tivemos que pedir reforços e ripostar quando eles começaram a disparar", disse, adiantando que um polícia morreu depois de ter ficado ferido na cabeça e na barriga.

Um outro agente e três elementos da Renamo ficaram feridos, acrescentou a mesma fonte.

"Prendemos 34 elementos da Renamo e confiscámos cinco espingardas AK47, uma pistola e 86 balas", precisou.

Desde finais do ano passado, um grupo de antigos guerrilheiros da Renamo, alguns dos quais armados, estão a viver na sede em Nampula do principal partido de oposição moçambicano, no norte do país, no âmbito das manifestações que a Renamo ameaça realizar contra o que considera uma governação antidemocrática da Frente de Libertação de Moçambique (Frelimo), no poder.

Leia mais sobre Moçambique - use os símbolos da barra lateral para se ligar aos países lusófonos pretendidos

PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: