Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

sexta-feira, 1 de julho de 2016

Euro2016. Polónia x Portugal: "Não deixa de ser giro um país fascista eliminado por 'preto' e cigano"



O comunista Ângelo Alves comentou de forma irónica o jogo de ontem de Portugal contra a Polónia.

O comunista Ângelo Alves utilizou o sua página de Facebook para fazer “paralelismos não científicos” sobre a vitória de ontem da Seleção Nacional.

“Não deixa de ser giro que a Polónia, um país governado por uma força abertamente fascista, que promove o racismo e a xenofobia, tenha sido eliminada num jogo onde dois dos jogadores mais importantes foram um ‘preto’ e um cigano” escreveu Ângelo Alves.

O deputado referia-se a Renato Sanches, que fez o golo do empate, e a Ricardo Quaresma, que marcou o último penálti, dando a vitória à Seleção perante os polacos.

Melissa Lopes – Notícias ao Minuto

Sem comentários: