Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

sábado, 14 de janeiro de 2017

CAN 2017: “O jogo de sonho para a Guiné-Bissau”


Jogadores da seleção de futebol da Guiiné-Bissau, os "Djurtus”, "estão prontos, confiantes e ansiosos para o jogo inaugural do CAN-2017” frente à seleção do Gabão, país anfitrião.

Jogadores da seleção de futebol da Guiiné-Bissau, os "Djurtus”, "estão prontos, confiantes e ansiosos para o jogo inaugural do CAN-2017” frente à seleção do Gabão, país anfitrião.

Jogadores da seleção de futebol da Guiné-Bissau disseram esta sexta-feira em conferência de imprensa, em Libreville, que o jogo de abertura do CAN contra o Gabão vai ser a concretização de um sonho de infância e que agora só resta competir e fazer bem aquilo que mais gostam: "jogar futebol e representar bem a seleção nacional”.

Também  o selecionador guineense, Baciro Candé, disse que os jogadores "estão prontos" para o jogo deste sábado (14.01) contra o Gabão, na abertura da Taça das Nações Africanas.

Na última conferência de imprensa antes do jogo de estreia da seleção guineense numa fase final do CAN, Baciro Candé afirmou que sente os jogadores "sem pressão e prontos" para entrar na competição, que decorre no Gabão a partir deste sábado e até 05 de fevereiro.

Em conversa com jornalistas guineenses, Baciro Candé ainda não nota "nervosismo ou ansiedade" por parte dos seus jogadores, salientando que, embora seja a primeira partida dos 'djurtus' no CAN, os mesmos "estão habituados a grandes emoções do jogo na Europa".

Quanto ao modelo de jogo que pretende utilizar para contrariar os gaboneses, Candé falou em "várias alternativas", por ter "muitos e bons jogadores" à disposição.

Baciro Candé apenas lamenta o facto não ter sido possível realizar "pelo menos um jogo treino" no Gabão contra qualquer seleção, como era pretensão da equipa técnica para avaliar o nível competitivo de alguns jogadores.

Seja como for, Baciro Candé indicou que o ambiente que antecede a estreia no CAN "é positivo", uma vez que, nos três dias de treinos no Gabão, a equipa técnica tem tido a tranquilidade necessária para trabalhar melhor com os jogadores.

Também o correspondente da DW África, Braima Darame, disse à nossa redação a partir de Libreville que o "estado físico, moral e psíquico dos jogadores da seleção  é muito bom e que estão confiantes  e ansiosos para entrarem no sábado em campo”.

No que concerne à equipa que participa no primeiro jogo (Guiné-Bissau / Gabão), o nosso correspondente afirma que a sua composição só será divulgada uma hora antes do início da competição e que até ao momento subsistem algumas dúvidas nomeadamente para o meio campo as laterias.

Guineenses confiantes na vitória no primeiro jogo contra Gabão

Os guineenses estão confiantes de que vão vencer o Gabão na abertura da Taça das Nações Africanas (CAN 2017) de futebol, havendo mesmo quem já tenha feito o prognóstico com aquele que será o resultado final do jogo de sábado 2-1.

Braima Daramé, lamenta contudo que os "Djurtus” não possam contar com a claque que foi organizada em Bissau porque as 60 pessoas que deveriam ter viajado para o Gabão na quinta-feira, por várias razões enter elas financeiras não vão estar presentes em Libreville. Mas, está confirmada a presença na cerimónia de abertura do CAN 2017 o Presidente da República, José Mário Vaz e o ministro dos Desportos Tomás Barbosa.

Por outro lado, muitos elementos da comunidade guineense emigrada  (cerca de 150 pessoas residentes no Gabão) já prometem estar nos jogos da seleção, que querem ver a ganhar já no sábado. Entrevistados pelos jornalistas guineenses que estão no Gabão, alguns se mostraram confiantes na vitória dos 'djurtus'.

Com Aubameyang, Gabão desafia grandes para ficar com título do CAN

Sem a Nigéria, que não se classificou, a Copa Africana de Nações começará neste sábado com o Gabão desafiando grandes seleções do continente, como Costa do Marfim, Egito, Argélia, Gana e Camarões, entre outras, para fazer valer o mando de campo e enfim conquistar um título inédito.

Até hoje, a seleção gabonesa nunca passou das quartas de final, fase à qual chegou duas vezes, em 1996 e 2012, esta última também na condição de anfitriã, junto com a Guiné Equatorial. Na ocasião, os 'Panteras' perderam para Mali nos pênaltis.

Com a torcida a favor novamente, o Gabão agora conta também com um dos grandes jogadores da atualidade, o atacante Pierre-Emerick Aubameyang, artilheiro do Borussia Dortmund e pretendido pelo Real Madrid.

Os resultados recentes, no entanto, não animam muito. A equipe vem de empates sem gols com Mali e Egito, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, e de um 1 a 1 diante de Comores, em amistoso.

Programa da edição do CAN-2017

Grupo A:                                     
                                                            
14 janeiro:
Gabão -- Guiné-Bissau, em Libreville
Burkina Faso - Camarões, em Libreville

18 janeiro:
Gabão - Burkina Faso, em Libreville
Camarões -- Guiné-Bissau, em Libreville

22 janeiro:
Gabão - Camarões, em Libreville 
Guiné-Bissau - Burkina Faso, em Franceville 

Grupo B:

15 janeiro:
Argélia - Zimbabué, em Franceville
Tunísia - Senegal, em Franceville 

19 janeiro:
 Argélia - Tunísia, em Franceville
 Senegal - Zimbabué, em Franceville 

23 janeiro:
Senegal - Argélia, em Franceville
Zimbabué - Tunísia, em Libreville

Grupo C:

16 janeiro:
 Costa do Marfim - Togo, em Oyem
 RD Congo - Marrocos, em Oyem 

20 janeiro:
 Costa do Marfim -- RD Congo, em Oyem
 Marrocos - Togo, em Oyem

24 janeiro:
 Marrocos -- Costa do Marfim, em Oyem
 Togo -- RD Congo, em Port-Gentil

Grupo D:

17 janeiro:
 Gana - Uganda, em Port-Gentil 
 Mali - Egito, em Port-Gentil

21 janeiro:
 Gana - Mali, em Port-Gentil 
 Egito- Uganda, em Port-Gentil

25 de janeiro:
 Egito - Gana, em Port-Gentil
 Uganda - Mali, em Oyem 

Quartos de final:  28 e 29 de janeiro        Meias-finais:  01 e  02 de fevereiro

Vencedor jogo 1 - Vencedor jogo 4, em Libreville     Apuramento 3.º lugar: 04 de fevereiro

Final:  05 de  fevereiro: Vencedores das meias-finais, em Libreville 

Braima Darame (Bissau), Agência Lusa / Deutsche Welle

Foto: Presidente do Gabão, Ali Bongo Odimba, inaugura o estádio em Oyem no âmbito do CAN 2017

Sem comentários: