segunda-feira, 29 de maio de 2017

Portugal | 28 DE MAIO, BENFICA VENCE A TAÇA | GOLPISTAS FUNDAM A DITADURA... EM 1926

PARTILHAR



Ontem, domingo, 28 de Maio, foi mais um dia grande para o Benfica na disputa com o Guimarães da Taça de Portugal. Aconteceu no Estádio do Jamor, como habitual. O Benfica venceu por 2 – 1 e para além de se ter sagrado tetracampeão nacional na Liga de Futebol arrecadou mais um título, mais uma taça.

A data, 28 de Maio, é uma das de piores recordações para os portugueses. Recorrendo às memórias verificamos que há 91 anos foi implantada a ditadura que daria a Salazar a oportunidade de se manter no poder por mais de quatro décadas. Não é a desproposito aqui ficar mencionado o facto, já que desses anos negros de Portugal quase nunca vêm à baila citações. Da ditadura de quase 50 anos os media fazem o branqueamento que convém aos que desse regime são saudosos. Saudosos da exploração e desumanização que permitiu arrecadar (roubar) fortunas e condenar a maioria à subalimentação e à miséria. Por tal deixamos aqui um breve apontamento da efeméride tenebrosa para o país e para as populações:

Golpe de 28 de Maio de 1926 ou Movimento de 28 de Maio de 1926, também conhecido pelos seu herdeiros do Estado Novo por Revolução Nacional, foi um pronunciamento militar de cariz nacionalista e antiparlamentar que pôs termo à Primeira República Portuguesa, levando à implantação da Ditadura Militar, depois autodenominada Ditadura Nacional e por fim transformada, após a aprovação da Constituição de 1933, em Estado Novo, regime que se manteve no poder em Portugal até à Revolução dos Cravos de 25 de Abril de 1974. – da Wikipédia

E agora sim, o desporto, o futebol, a saga de campeão do Sport Lisboa e Benfica (porque Benfica antes não era Lisboa mas sim arredores).

Se continuar a ler saberá, por via da Lusa, no Negócios, sobre a 26ª conquista da Taça de Portugal e mais pormenores. (PG)


Benfica conquista 26.ª Taça de Portugal e 11.ª 'dobradinha'

O Benfica conquistou este domingo a Taça de Portugal de futebol pela 26.ª vez e somou a sua 11.ª 'dobradinha', depois da conquista do tetracampeonato, ao bater o Vitória de Guimarães por 2-1, na final do Jamor.

Depois de uma primeira parte que terminou a zero, o mexicano Raúl Jiménez, aos 48 minutos, e o argentino Eduardo Salvio, aos 53, apontaram os tentos dos 'encarnados', enquanto o sul-africano Zungu marcou o golo dos minhotos, aos 78.

A formação da Luz tinha conquistado a Taça de Portugal pela última vez em 2013/14, época em que também logrou a 'dobradinha', um ano depois de ter perdido no Jamor com os minhotos, que então conquistaram a sua única Taça.

O Benfica somou assim hoje o 80.º troféu da sua história futebolística. O clube da Luz, que ainda soma uma não reconhecida Taça Latina, um não oficial 81.º 'caneco', reforçou deste modo a liderança nacional, passando a somar mais seis troféus do que o FC Porto, que somou nova temporada em 'branco'.

Nas provas nacionais de 2016/17, os 'encarnados' começaram por vencer a Supertaça (3-0 ao Sporting de Braga) e venceram a I Liga, fazendo o 'tetra', com mais seis pontos do que os 'dragões' e 12 face ao Sporting.

A única falha aconteceu na Taça da Liga, prova em que o Benfica chegou mais longe do que os outros 'grandes', mas tombou nas meias-finais, no neutral Estádio do Algarve, ao perder por 3-1 com o Moreirense, que acabaria por vencer a prova.

Numa análise às últimas quatro temporadas, o Benfica soma 11 troféus, contra dois do Sporting e um de Moreirense, Sporting de Braga e FC Porto, que nada vence desde que arrebatou a Supertaça 2012/13, a 10 de agosto de 2013.

Depois da 74.ª vitória portista, que então ficou a liderar por cinco provas (74-69), o Benfica 'desperdiçou' apenas duas edições da Taça de Portugal, uma Supertaça e uma Taça da Liga, e virou para 80-74.

Na abertura da temporada 2017/18, a formação comandada por Rui Vitória pode aumentar o avanço, caso volte a superar o Vitória de Guimarães, na Supertaça Cândido de Oliveira, no primeiro fim-de-semana de Agosto.

A formação 'encarnada' soma mais seis troféus do que o FC Porto, mas, contando apenas competições em que é necessário derrotar mais do que um adversário, a supremacia é 'esmagadora', com 74 troféus conquistados (75 com a Taça Latina), contra 'apenas' 51 dos portistas.

Lusa, em Negócios | ontem

PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: