Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

segunda-feira, 29 de maio de 2017

ÓH DA GUARDA! | Universidade lisboeta é notícia lá fora por causa de cabeça de assassino




A cabeça de Diogo Alves está exposta no teatro anatómico da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa

A faculdade de Medicina de Lisboa está a ser notícia lá fora. Em causa está o facto de numa das suas salas se encontrar algo que é considerado fascinante mas igualmente estranho.

Referimo-nos à cabeça de Diogo Alves, que segundo a Atlas Obscura, “permanece ali, simplesmente”, sendo já “indiferente e familiar” aos físicos e técnicos anatómicos que percorrem os corredores da faculdade todos os dias.

Diogo Alves terá sido um dos primeiros 'serial killers' e o último homem a ser enforcado em Portugal. A mesma publicação recorda que nasceu na Galiza, em 1810, e viajou para Lisboa ainda novo. Ficou conhecido como o assassino do Aqueduto das Águas Livres já que de 1836 a 1839 perpetrou nesse local vários crimes hediondos. Quando foi apanhado, em 1840, foi sentenciado à forca.

Andrea Pinto | Notícias ao Minuto

Sem comentários: