domingo, 3 de setembro de 2017

TERRORISMO | A Alemanha envolvida nos ataques da Catalunha

PARTILHAR


Segundo a polícia espanhola, a célula terrorista que atacou alvos, a 17 e 18 de Agosto de 2017, em Barcelona e Cambrills era liderada por Abdelbaki Es Satty.

Este foi preso em Rachid Aglif, condenado a 21 anos de prisão pela sua participação numa reunião preparatória dos atentados de Madrid (11 de Março de 2004).

Abdelbaki Es Satty era, até Junho, o imã da mesquita do Norte de Ripoll.

Ora, esta mesquita depende do ramo sírio dos Irmãos Muçulmanos implantado na Alemanha, em Aachen(Aix-la-Chapelle).

Durante a Guerra Fria, o governo alemão, a solicitação da CIA, deu asilo aos Irmãos Muçulmanos sírios após o fracasso da sua tentativa de golpe de Estado contra o antigo Presidente Hafez al-Assad. No decurso da actual guerra contra a Síria, o governo Merkel criou uma célula especial no Ministério do Negócios Estrangeiros para tratar directamente com os Irmãos Muçulmanos da Síria.

Voltaire.net | Tradução Alva

PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: