domingo, 27 de novembro de 2011

MILHARES DE LÍBIOS ESTÃO A SER DETIDOS EM VIOLAÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS



Redação PG

De acordo com o jornal britânico The Independente a Grã-Bretanha voltou a apelar ao novo governo líbio para terminar com os abusos aos direitos humanos após a revelação de que milhares de pessoas estão sendo detidas ilegalmente.

As informações chegadas ao governo britânico apontam para 7 mil detenções ilegais daquilo a que o novo governo líbio chama de “inimigos do estado”. O Foreign Office disse: "Nós condenamos todas as violações dos direitos humanos." O ministro das Relações Exteriores inglês, William Hague, levantou recentemente a questão dos detidos com o primeiro-ministro líbio al-Kib, que garantiu ir proceder a investigações sobre as acusações de abusos cometidos.

O Reino Unido está a financiar um projecto para fornecer aptidões para os advogados e oficiais de justiça na Líbia, a fim de melhorar a compreensão e adesão a padrões internacionais de direitos humanos. De acordo com um relatório da ONU a maioria dos tribunais na Líbia "não estão plenamente operacionais", devido à falta de segurança e absentismo por parte dos juízes e administradores.

O relatório de Ban Ki-moon, secretário geral da ONU, vai ser discutido pela ONU no Conselho de Segurança na segunda-feira, menciona The Independent.

Sem comentários: