terça-feira, 26 de julho de 2016

O ESTRANHO CASO DE PORTUGAL, QUE PASSOU DE MILAGRE A CASO PERDIDO

PARTILHAR



Sanções após elogios. "Porquê?", questiona designer

De milagre a caso perdido. É desta forma que a Comissão Europeia parece analisar o esforço de Portugal em fazer frente à crise que assolou o país entre 2013 e 2015.

Se há meses atrás, vários representantes e políticos europeus elogiavam o trabalho de Portugal para recuperar economicamente, entre eles Angela Merkel, hoje pondera-se novas sanções ao país, por se considerar que o esforço não foi suficiente.

Como é que a opinião da Comissão Europeia mudou em apenas meses? É essa a questão lançada por Luís Vargas, um utilizador do YouTube, num vídeo que já foi partilhado pro diversos políticos portugueses, como Porfírio Silva e João Galamba.

Jyrki Katainen, vice-presidente da Comissão Europeia, afirmava em março de 2015 que Portugal tinha “feito um milagre num período de tempo tão curto”. A opinião era partilhada por Angela Merkel e pelo ministro das Finanças Wolfgang Schauble.

Quase um ano depois, a opinião parece não ser a mesma, com a comissão a recusar um novo pacote de fundos a Portugal e a ponderar a aplicação de novas sanções ao país.


Luís Vargas é um designer neoliberal que terá já anteriormente usado as redes sociais - Twitter e Facebook - para lançar críticas políticas. 

Andrea Pinto – Notícias ao Minuto

PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: