domingo, 19 de fevereiro de 2017

Angola. DA NOVELA “MANUEL VICENTE” ATÉ FICAR PARVO! – Fernando Vumby

PARTILHAR


NA NOVELA "MANUEL VICENTE" OS ANGOLANOS TÊM DIFICULDADES EM PERCEBER QUE ATÉ PORTUGAL LHES COSPE NA CARA!

Fernando Vumby, opinião

O que adianta tantas acusações formais sobre casos de corrupção ativa de governantes angolanos e seus familiares, se no fim os processos acabam arquivados?

Não será isto também uma simples forma de angariar algumas notas verdes já que os criminosos nunca olham aos preços quando é para calarem algumas vozes da própria imprensa portuguesa?

Se julgaram e condenaram ate o José Sócrates o que custava julgar toda essa bandidagem juntos amarrados na mesma corda e condena-los ja que são comprovadamente criminosos e visto grande parte deles serem ate portadores de dupla nacionalidade?

Essa brincadeira já começa a não ter piada, pois num rolo de tantas centenas de governantes angolanos ladrões comprovados com dinheiros lavados e escondidos em Portugal só falar do Manuel Vicente é pouco, e pior quando se sabe que o assunto dentro de dias vai acabar nos esgotos da história.

Será campanha montada e paga pelo próprio regime angolano já que eles são os donos do grande capital em Portugal ou é apenas brincadeira de mau gosto e mais uma cuspidela no rosto dos angolanos?

Julgo ser pouco toda esta semi-tempestade num pouco de água ate porque transformar o Manuel Vicente no mais sujo dentro de um governo onde não há limpos , é o mesmo como bater uma punheta á um morto e esperar que ele se venha. Desculpem-me pelo termo.

Então o melhor e grande jeito que Portugal daria ao povo angolano e deixar o sinal de que em Portugal não há espaço para corrupção e corruptos não seria julgar sem dó e nem piedade toda essa bandidagem e condena-los?

Ou será que querem humilhar os angolanos ainda mais com este tipo de pronunciamentos vazios e sem aplicação pratica judicialmente em Portugal como provam as dezenas de processos arquivados.

Essa história já parece um pouco com a atitude de Portugal em relação as batotas eleitorais em Angola em ser sempre a primeira Nação do mundo á reconhecer governos nascido claramente de atos eleitorais fraudulentos, se marimbando das consequências de tais atos que aumenta cada vez mais a desgraça dos angolanos.

De qual forma não deixo de agradecer aqueles que em Portugal nunca tiveram papas na língua na hora de denunciarem os crimes económicos e políticos cometidos pela camarilha que (des )governa Angola .

OS DA MINHA GERAÇÃO TÊM A OBRIGAÇÃO DE CONHECEREM MELHOR A HISTÓRIA DA UNITA!

E quem conhece a sua história e trajetória sabe dos homens de todas etnias que pertenceram a direção da UNITA ou ainda pertencem e sabe que ela pode ser tudo menos tribalistas.

Essa é uma verdade, a outra é que nem eu , e nem muitos da minha geração sabem o que se passou entre eles nas matas , na Jamba e noutras paragens.

Cada um de nós vive curioso em conhecer a verdade histórica sobre os nossos Partidos políticos, seus lideres e se possível de todas figuras publicas ligadas a nossa vida política, cultural etc , que nos têm brindado com os seus discursos , analises , comentários e não só.

Como tal seja em que momento for quem acha que está tão bem informado sobre este ou aquele passado histórico, porque tem afinal que guardar para amanha ou depois de manhã aquilo que pode dizer hoje?

Agora cabe a cada de nós sem histerismo masturbado, filtrar, analisar e pesquisar ou não , aquilo que lê ou ouve e se acredita ou não , é uma gestão individual , pois ninguém pode ser obrigado a acreditar nisto ou naquilo, da mesma forma como não pode ser obrigado nem influenciado á duvidar.

Outro aspeto importante é que também ninguém tem o direito de falsificar a verdade histórica, por mais que não se simpatiza com essa ou aquela pessoa, com este ou com aquele Partido.

Eu também sou uma pessoa curiosa como outra qualquer que quer conhecer cada vez mais e melhor os outros Partidos e seus líderes e quem me dera conhece-los tão bem como conheço o MPLA para poder escrever sobre eles da mesma forma como o faço quando escrevo sobre o MPLA que conheço melhor?

OS (RICOS) POBRES DE MENTE & COISAS DE UM REINO DA CORRUPÇÃO!

Quem conhece os meandros dos desvios de dinheiros públicos em Angola e dos esquemas dentro da policia e dos ministérios que funcionam como se fossem dentro da legalidade não pode duvidar de que em Angola haja departamentos onde por dia desaparecem milhões e quase ninguém dá conta porque a coisa é organizada de tal forma para ficar como se nada fosse.

1) -- O Comandante que manda o sub impretério dar um jeito na sua mansação e na hora de pagar o trabalho não paga , esquiva-se ate que o pobre coitado do branco alheio morre sem ver o seu dinheiro , viúva e filhos ficam apenas com a cópia do recebo do dinheiro que está condenada á nunca mais receber!

2) - O general que consegue milhões de dólares para construção de casas na província, não constrói, e de abuso e pouca vergonha no reino da corrupção põem o nome de uma ex-mulher falecida como dona de uma firma que nunca existiu.

3) - O general que tinha obras na sua quinta para não dar nas vistas põem um primo como encarregado e ficar afrente controlando os trabalhadores e as obras.

Primeiro mês não pagou a nenhum dos trabalhadores, esquivava-se sempre. Enquanto o primo apertava pelos coitados pobres, pretos e pedintes sempre à espera do que acabaram por nunca receber.

Segundo mês a mesma coisa, o primo como não era planista e tinha dificuldades em se adaptar ao estilo de vida dos ricos pobres de mente , abandona- o para não passar vergonha e não ter peso de consciência.

4) - O general que ameaçou de morte á um policia em serviço , por este ter fiscalizado sua tia zungueira " O chefe chamou-me , e me perguntou se queria ser fuzilado " desabafou o policia quase com as calças todas borradas por medo?

5) - Um contabilista do ministério que num trato daqueles de difícil compreensão põem fogo no seu próprio gabinete , afinal era um bisness que dava lucro porque depois teria que subtrair uma quantia do dinheiro que contabilizava para comprar outros artigos para o gabinete!

6) - O general que em Portugal só anda com dinheiro no porta bagagem do carro, não dá nem um chocolate ás sobrinhas , seu filho é meio analfabeto sempre com a mesma conversa, só fala de dinheiros, marcas de carros e celulares muitos dos quais nunca vistos no país.

Isto ainda sem mencionar os desvios feitos pelos financeiros das unidades militares, onde tudo fica como se nada fosse porque tem certeza que o militar não refila por medo de ser fuzilado acusado de infiltrado e espião.

ONDE A VIOLÊNCIA DE INSPIRAÇÃO POLÍTICA JÁ DÁ LUCRO & DUAS CONFISSÕES CAPTADAS!

Até fico parvo!

Hoje tudo em Angola dá dinheiro e tem um preço estabelecido como no Super Mercado, basta apenas ter sorte e encontrar o general certo que nos apoia dizia um marginal de boca cheia e sem papas na língua!

Que hoje até já existe em Angola grupos treinados que ainda estou para saber se na Rússia, China ou em Cuba para o cumprimento de todo o tipo de missões violentas que começam pelo vandalismo encomendado , tortura e nalguns casos ate mesmo assassinatos logo que as ordens sejam dadas de acordo com as características e potencialidades das vitimas já não é novidade para muita gente.

Tal como o assassinato de um político da oposição se tornou hoje num negócio lucrativo , banalizado e motivo de piada com direito á gargalhadas e bebedeira nas lanchonetas na hora da partilha do prometido , também já estamos quase todos informados sobre isto e há dados.

E quem já passou por isso jamais se esquecerá os termos que estes grupos utilizaram quando as missões encomendadas foram simplesmente para lhes deixar marcas no corpo debilitando-os física e psicologicamente.

AS CONFISSÕES CAPTADAS DE DUAS VITIMAS

1) -- "O tipo que me pontapeou na cabeça dizia que era para eu aprender á ficar calado , e não me meter em brincadeiras como estas de participar em manifestações contra o nosso querido presidente."

2) -- "Levei dois socos na cara fiquei tonto , comecei á sangrar e o tipo ainda me disse que se fosse em Angola seria morto, tudo isto apenas por ter perguntado á um agente secreto, porque mataram o Nfulupinga?"

Este ultimo caso aconteceu fora de Angola teve consequências graves para o agressor que mesmo sendo portador de passaporte diplomático acabou por ser expulso e proibida entrada neste pais por 10 anos.

Fórum Livre Opinião & Justiça - Fernando Vumby

PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: