quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Moçambique: NYUSI NOMEARÁ GOVERNADORES INDICADOS PELA RENAMO



Os governadores da Renamo serão nomeados com base em arranjos legais pontuais a serem introduzidos na Constituição da República.

O Presidente de Moçambique, Filipe Nyusi poderá nomear, em breve, governadores indicados pela Renamo nas seis províncias onde o partido de Afonso Dhlakama reclama vitória nas eleições gerais de 2014.

Trata-se das províncias de Niassa, Nampula, Zambézia, Tete, Manica e Sofala.

As nomeações ainda não têm data precisa.

Mas conforme um acordo assinado hoje, 17, pela Comissão Mista do diálogo político, a medida deverá acontecer, antes do final do ano em curso.

“Sobre a governação da Renamo nas seis províncias, devem ser encontrados mecanismos para a nomeação provisória dos governadores provinciais oriundos do Partido Renamo, o mais cedo possível”, lê-se no acordo.

A nomeação será com base em arranjos legais pontuais a serem introduzidos na Constituição da República e na legislação sobre os órgãos locais do Estado. Tais arranjos deverão ser aprovados pelo parlamento este ano.

William Mapote – Voz da América

Sem comentários: