sábado, 28 de julho de 2018

Portugal | Um conselho à direita: não deixem passar esta oportunidade

PARTILHAR

Ana Alexandra Gonçalves* | opinião

Conselho aos dois partidos de direita: não deixem passar esta oportunidade que Ricardo Robles proporciona, desde logo porque são tão parcas as oportunidades que desperdiçar esta, mesmo sendo uma mão cheia de nada, constituiria um erro.

É certo que a história parecia incomensuravelmente melhor do que acaba por ser. Quando a sexta-feira amanheceu com a promessa de finalmente se poder atacar os partidos de esquerda, sobretudo aquele partido porventura mais exasperante, contestatário, sempre a lutar por uma outra sociedade, criou-se um mundo de expectativas.

Depois vieram os desmentidos do próprio Robles: afinal nenhuma injustiça havia sido praticada pelo vereador bloquista, designadamente contra os arrendatários. Sobra a tese da especulação imobiliária e para que essa tese seja de facto consistente, vamos esquecer o facto de se tratar de um imóvel com dois proprietários, o que implica avanços e recuos e tentativas de se chegar aos tão difíceis consensos. Esqueçamos isso, evite-se tocar nesse particular. Acuse-se o Robles de incoerência ideológica, da tal especulação que é tão amada pela direita, mas que agora vamos fingir que é instrumento do Diabo, sobretudo se praticada por alguém de esquerda. Finjamos que o vereador que viabiliza a actual solução camarária cometeu um crime de lesa-pátria, mesmo tendo adquirido o imóvel em 2014 quando o cenário imobiliário era diametralmente oposto ao que se verifica hoje. E se for necessário insinue-se que o Robles têm a capacidade de ver o futuro.

Aproveitem meus amigos, sobretudo os de direita. Esta caiu do céu e embora fraquinha, nós estamos cá para tudo empolar. Afinal de contas mais vale uma mão cheia de nada de um partido de esquerda do que nos obrigarem a exercícios de reflexão sobre os partidos de direita. Aponte-se o dedo aos Robles deste país. Firme e hirto, sem titubear.

* Ana Alexandra Gonçalves | Triunfo da Razão
PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: