Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Espanha. MARIANO RAJOY RECLAMA “DIREITO DE GOVERNAR”



O líder do Partido Popular, Mariano Rajoy, vencedor das eleições deste domingo em Espanha, reclamou "o direito de governar" e prometeu estar "à altura das circunstâncias".

"Ganhámos as eleições, reclamamos o direito de governar. Agora o que se trata é de ser 100% útil a todos os espanhóis, os que votaram em nós e os que não votaram. Estamos à disposição de todos", declarou Mariano Rajoy, num discurso a partir de um palanque onde se lia em letras garrafais, "Gracias" (obrigado), na capital espanhola.

O PP elegeu este domingo 137 deputados, mais 14 que nas eleições de dezembro passado, mas ainda assim longe dos 176 mandatos necessários para garantir a maioria absoluta no congresso espanhol.

O líder conservador foi recebido aos gritos de "Presidente, Presidente" e começou o seu discurso com a expressão "Sim, é possível", mensagem repetida pelos milhares de apoiantes.

"Somos espanhóis, com muita honra e orgulho, e defendemos os interesses gerais dos espanhóis acima de qualquer outra consideração. E este partido merece respeito", disse, num discurso que foi frequentemente interrompido pela multidão, com cânticos como "E viva Espanha" ou "Campeões, campeões".

Espanha vive "uma situação difícil" e tem "à sua disposição um instrumento muito importante que nunca irá falhar, nem a Espanha nem aos espanhóis, votem em quem votarem, e que é o Partido Popular", afirmou Rajoy.

"A partir de amanhã teremos de começar a falar com todos e assim o faremos", com o objetivo de "defender Espanha e 100% dos espanhóis", garantiu.

O responsável do PP, que tem liderado o governo de gestão desde dezembro passado, afirmou que "foi duro, foi difícil, foi complicado" e assegurou que o seu partido, do qual se declarou "enormemente orgulhoso", apenas trabalha "em defesa dos interesses gerais dos espanhóis, sem estar às ordens de ninguém".

"Foram quatro anos complicados e difíceis, mas Espanha agora já está a erguer a cabeça. Estamos na boa direção, vamos continuar. Ganhámos as eleições e estamos, como sempre, à disposição do povo espanhol. Como sempre", disse.

"Ganharam os democratas, a liberdade e os direitos das pessoas", acrescentou.

Numa intervenção em que não se referiu aos partidos adversários, Rajoy assegurou que a direção do PP "vai estar à altura das circunstâncias" e "fará tudo o que possa para que Espanha e os espanhóis estejam cada melhor".

"Somos uma grande nação, das melhores do Mundo e da Europa, e vamos estar à altura das circunstâncias", insistiu.

Jornal de Notícias - Na foto: Mariano Rajoy - Marcelo del Pozo/REUTERS

Sem comentários: