sexta-feira, 13 de abril de 2018

Espanhóis PichiAvo inauguram exposição que mistura 'graffiti' e arte

PARTILHAR

A dupla de artistas espanhóis PichiAvo, cujo trabalho resulta de uma mistura de 'graffiti' com arte clássica, inaugura hoje a exposição "Versus", na galeria Underdogs, em Lisboa, que inclui um mural na zona de Santa Apolónia.

O nome da exposição espelha o conceito que a dupla representa, uma "'guerra amigável entre 'graffiti' e arte clássica", explicou, à Lusa, Avo, um dos elementos da dupla.

Na galeria Underdogs, os artistas espanhóis apresentam uma série de trabalhos novos, que incluem "desenhos (que representam o início da ideia), pintura, esculturas e uma grande instalação". "Quisemos representar o nosso estilo, peças que são muito clássicas e [ao mesmo tempo] poderosas em termo de cor, com background de 'graffiti'", descreveu Avo.

Nas pinturas, misturam-se imagens de estátuas gregas com 'tags' de várias cores e feitios. Pichi e Avo começaram a pintar estátuas gregas porque as consideram "muito poderosas em termos de arte". "Há muito significado por detrás das estátuas, sentimo-nos muito representados em termos de cultura, porque, em Espanha, temos muita influência grega e romana, e tudo junto - estética, significado e cultura - fez com que as juntássemos ao nosso trabalho", referiu Avo.

Além da exposição dentro de portas, desde segunda-feira, a dupla tem estado na Calçada de Santa Apolónia a pintar um mural, na parede de um prédio com quatro andares, onde está representado Poseidon (deus do mar na mitologia grega), "um deus perfeito" para o local onde foi pintado.

"Estamos perto do rio e Poseidon é o deus da água, ele preserva e toma conta dos marinheiros", justificou o artista.

Esta será a primeira parede da dupla em Lisboa, mas não a primeira em Portugal. No ano passado, deixaram trabalhos em Leiria e Viseu.

Pichi e Avo tornaram-se uma dupla em 2007, mas antes disso já se dedicavam ao 'graffiti' em separado. Avo estudou Design Industrial, e Pichi, Belas Artes, e o primeiro acredita que "isso ajuda muito a desenvolver mais trabalhos, a mente está mais aberta".

"Versus" estará patente na galeria Underdogs até 09 de maio. A exposição tem entrada livre.

A Underdogs é uma plataforma cultural, fundada pela francesa Pauline Foessel e pelo português Alexandre Farto (Vhils), que se divide entre arte pública, com pinturas nas paredes da cidade, exposições dentro de portas, no n.º 56 da rua Fernando Palha, um antigo armazém recuperado e transformado em galeria, e a produção de edições artísticas originais.

A plataforma tem também uma loja, na rua da Cintura do Porto de Lisboa, e começou em 2015 a organizar visitas guiadas de Arte Urbana em Lisboa.

Lusa | em Notícias ao Minuto
PARTILHAR

Author: verified_user

0 comentários: